Você não está logado | Entrar | Cadastrar
23/02/2014

PPS discute programa de governo com Eduardo Campos e Marina Silva







Foto:
PPS discute programa de governo com Eduardo Campos e Marina Silva



Por: Imprensa PPS-RS

Acompanhado de centenas de militantes do PPS, o deputado estadual presidente do partido no Rio Grande do Sul, Paulo Odone, participou neste sábado (22.fev) do 1º Seminário Regional Programático da aliança Mudando o Brasil. Junto com os presidentes nacionais do PPS, Roberto Freire, do PSB, Eduardo Campos, e Marina Silva, Odone dirigiu os trabalhos para a construção do programa de governo.

Mais de 1,3 mil superlotaram o Teatro Dante Barone, na Assembleia Legislativa para assistir o ato político que antecedeu os debates dos grupos temáticos. Para Odone, o seminário deste sábado é o início de uma jornada de transformação da sociedade.

- O papel político desse nosso encontro é fazer avançar o pensamento político da nação, fazer avançar a democracia e vencer o esgotamento do modelo atual e das forças políticas que o operam, que se reflete na deteriorização dos serviços públicos, na ineficiência da gestão, na violência crescente e nesse desencanto que permeia a sociedade brasileira. Enfim, precisamos fazer avançar nossa  história, negar o ultrapassado e perseguir as mudanças que significam ganhos à sociedade – afirmou Odone.

Roberto Freire salientou o ambiente democrático que reúne PPS, PSB e Rede. De acordo com Freire, a comunhão de ideias das três legendas tem o objetivo de construir um caminho que devolva à população a capacidade de realizar seus sonhos e alcançar suas expectativas.

- O Brasil precisa recuperar suas esperanças que estão sendo perdidas. E nós estamos aqui discutindo qual a história que queremos construir. Não quero pensar o Brasil a partir do que eu imagino, do que eu faço. Quero pensar o Brasil a partir daquilo que nós vamos construir em conjunto. É a partir dessa frente democrática e republicana que vamos pensar um novo Brasil, vamos fazer com que o Brasil se reencontre com um futuro melhor – disse Freire.

No encerramento do ato, Campos reforçou a necessidade de romper antigos vícios da política brasileira.

- No Brasil, ou o pacto velho vence e o país perde, ou a gente derrota o velho pacto político e o Brasil ganha. Não tem quem barre uma sociedade que quer mudança. Quem vai ganhar as eleições este ano não são os palanques e sim os brasileiros. Queremos e sabemos onde encontrar a saída para mudar o país, com segurança e generosidade à altura do sonho dos brasileiros – disse Eduardo.

À tarde, militantes e dirigentes do PPS participaram dos seis grupos temáticos que discutiram as diretrizes do plano de governo. O trabalho se encerrou às 18h30min, quando os coordenadores e relatores de cada grupo fizeram um relato das contribuições apresentadas.





Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 134 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Deixe seu comentário
Bloqueado
É preciso estar logado para deixar um comentário.
Clique aqui, cadastre-se e participe!!


Este conteúdo tem 0 comentário(s)











Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação | Hospedagem e Manutenção:Núcleo de Tecnologia do PPS
© Partido Popular Socialista - PPS (2008)